O que é IFRS Contabilidade?

0
638117

O que é IFRS Contabilidade?

IFRS Contabilidade de forma resumida, é o modelo de normas contábeis que as empresas devem seguir para atender às normas internacionais, deixando o balanço contábil claro e interpretável em diferentes países.

IFRS é uma sigla inglesa para International Financial Reporting Standards (Normas Internacionais de Informação Financeira).

Essas normas possuem como objetivo padronizar os procedimentos contábeis e os princípios existentes entre as nações, de modo que se otimize a estrutura conceitual e ofereça uma interpretação igual das demonstrações financeiras.

Para que isso seja possível (que a análise dos relatórios seja feita da mesma maneira pelos usuários – que geralmente são os gestores, investidores, analistas, fornecedores, empregados e as instituições) – é necessário que algumas características possuam os mesmos critérios. Estas são:

  • Clareza (no sentido que os relatórios sejam compreensíveis),
  • Confiabilidade,
  • Relevância,
  • Equilíbrio entre custo e benefício (no sentido de comparabilidade).

Adotar IFRS é útil para que as informações auxiliem todos os usuários da melhor forma possível para qualquer tomada de decisão.

Inicialmente, as normas IFRS eram aplicadas nos países da União Europeia por meio do regulamento (CE) nº 1725 de 2003. Mais tarde o regulamento foi atualizado para o nº 1126 de 2008 a fim de oferecer uma harmonização das demonstrações publicadas pelas organizações abertas europeias. Atualmente, o Brasil também possui diversos projetos oficias para guiar as normas locais para as IFRS.

Por meio da Resolução CFC nº 1055/05, ocorreu a criação do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) que tem como finalidade a emissão de pronunciamentos técnicos objetivando a tendência dos padrões de contabilidade do país aos padrões internacionais.

Em 2009, os padrões e normais IFRS entraram em vigor e tornaram-se obrigatórios para as empresas (tanto de capital aberto como fechado, assim como as de médio e grande portes). Até mesmo as instituições bancárias podem fazer a exigência que suas demonstrações financeiras fiquem de acordo com o novo modelo.

DEIXE UMA RESPOSTA